Saúde

Termo-higrômetro digital: Como funciona e onde deve ser usado?

Um termo-higrômetro digital é um instrumento essencial na ciência meteorológica. A ferramenta possuí vários usos, porém o principal objetivo do dispositivo é fornecer a quantidade exata de umidade no ar de um ambiente.

Assim como outros instrumentos usados ​​para medir umidade, os termo-higrômetros funcionam confiando em outras quantidades ou medições de temperatura, massa e pressão, entre outras variáveis.

Para que serve um termo-higrômetro?

Os termo-higrômetros são ferramentas úteis que utilizam cálculos e calibração de mudanças de pressão e temperatura. Combinados, a porcentagem resultante será a quantidade de umidade no ar. No geral, o funcionamento depende do modelo:

Psicrômetro

Este tipo possui dois termômetros, um de bulbo seco e outro úmido. A diferença de temperatura é medida quando a evaporação ocorre no bulbo úmido, fazendo com que sua temperatura caia abaixo do bulbo seco.

Higrômetro elétricos (mais comuns)

Esses dispositivos podem ser resistivos ou capacitivos. Os higrômetros elétricos resistivos têm eletricidade passando por uma substância cerâmica. Quando a umidade fica alta, mais vapor d’água faz com que a cerâmica se contraia, o que leva a uma resistência modificada.

Enquanto isso, um higrômetro elétrico capacitivo usa duas placas com ar entre elas. A quantidade de umidade é medida pela capacidade dessas placas de metal em armazenar cargas elétricas, que a umidade afeta diretamente.

Higrômetro de ponto de orvalho

Esses dispositivos servem para medir a saturação de umidade em um gás. Normalmente, eles são usados ​​em locais com a menor quantidade de umidade possível. Atualmente, eles são considerados o tipo mais preciso de higrômetro.

Como usar um termo-higrômetro digital: Lendo o dispositivo

Para residências ou comércios, o termo-higrômetro digital, por exemplo, é um dispositivo fácil de usar para monitorar umidade e temperatura. O dispositivo digital fornecerá a você a umidade atual em números em negrito, junto com a temperatura atual.

Ele também mostrará a temperatura e umidade mínimas e máximas na sala. O instrumento também oferece três níveis de conforto em que menos de 30% de umidade é seco e de 30% a 60% é considerado confortável. Umidade superior a 60% indicará que a área está úmida.

Termo-higrômetro ideal para verificação da temperatura e umidade relativa em ambientes internos. Veja o vídeo abaixo:

Termo-Higrômetro Preto Incoterm | A-DIV-0074.00

Com esse tipo de higrômetro, proprietários de residências e comércios podem manter suas propriedades ou produtos em excelentes condições. Ao mesmo tempo, eles promovem o reconhecimento da umidade ideal em uma área específica para aumentar seu nível de conforto geral.

Créditos das fotos

Como medir a saturação de oxigênio do sangue com o oxímetro

A oximetria é um teste simples e indolor capaz de medir o nível de saturação de oxigênio ou os níveis de oxigênio no sangue. 

O dispositivo de oxímetro pode perceber depressa até pequenas mudanças na eficiência com que o oxigênio está sendo conduzido para as extremidades mais distantes do coração, inclusive as pernas e os membros. Veja o modelo do medidor de saturação de oxigênio no sangue oxímetro de pulso.

O oxímetro é um irrelevante aparelho em maneira de clipe que se coalizão a uma parte do corpo, como dedos ou lóbulo da aba. 

Frequentemente, a oximetria acima de 95% indica uma ótima oxidação do sangue, porém, é preciso que o médico avalie cada caso. Uma tarifa de oxidação do sangue baixa pode mostrar a urgência de realizar tratamento no hospital com oxigênio, e pode mostrar um perigo de vida caso não seja corrigida adequadamente. 

A essencial proveito desta providência é que não é preciso realizar coleta de sangue, evitando-se picadas. Além da oximetria, esse aparelho similarmente pode ser capaz de pensar mais dados vitais, como porção de batimentos cardíacos e frequência respiratória, por exemplo.

Um oxímetro de pulso funciona passando uma gavela de luz vermelha e infravermelha a partir de um tabuleiro capilar pulsante.

O oxímetro de pulso possui um sensor de luz que capta a porção de oxigênio que passa no sangue por baixo do local no qual está a ser realizado o exame e, em poucos segundos, indica o valor. Esses sensores fazem atitudes imediatas e regulares, e são desenvolvidos para serem usados nos dedos da mão, nos dedos do pé ou na aba. 

Como funciona o oxímetro de pulso? 

O aparelho pode ser ligado a um vocação, pulso, pé ou qualquer outro setor no qual o aparelho possa ler o movimento sanguíneo. 

O equipamento funciona com base no princípio de que o sangue oxigenado possui uma coloração mais forte de vermelho-do-cafeeiro que o sangue desoxigenado, que é mais roxo-azulado. Veja outro modelo de oxímetro de pulso portátil de dedo.

Primeiro, o oxímetro mede a soma da intensidade de ambas as tonalidades de vermelho-do-cafeeiro, representando as frações do sangue com e sem oxigênio. O aparelho detecta o pulso e subtrai a intensidade da coloração detectada no momento em que o pulso está faltando. 

Fumar pode prejudicar o resultado? 

Fumantes que utilizam o oxímetro de pulso são capazes de entregar um texto de saturação de oxigênio errada. Isto ocorre visto que o aparelho não é capaz de realizar a realce entre as células que carregam oxigênio das que carregam dióxido de carbono. Uma vez que indivíduos fumantes evidenciam propensão a entregar maiores níveis de dióxido de carbono, é possível que o valor mostrado pelo oxímetro esteja crescido, mesmo que a porção de oxigênio esteja reduzida. 

Dessa maneira, caso exista suspeita de que o valor de saturação de uma indivíduo fumista não está certo, especificamente se existirem vestígios de dificuldade respiratória, como percepção de falta de ar, canseira possível, pele pálida ou lábios azulados, é fundamental ir ao hospital para corporificar uma gasometria arterial, de modo a identificar os princípios corretos de oxigênio e dióxido de carbono. 

Como utilizar o oxímetro de modo correto 

Algumas situações são capazes de estorvar na aferição da saturação de oxigênio no momento em que o oxímetro é empregado. Os elementos são capazes de controlar na medição:

  • Unhas pintadas: interferem na aferição do aparelho, podendo entregar princípios mais baixos que de fato estão. Até mesmo cores claras são capazes de controlar. 
  • Unhas compridas: interferem no certo parecer do vocação dentro do aparelho o que, similarmente, contribuem para possíveis equívocos de aferição. 
  • Mãos geladas: no momento em que nossos dedos e mãos estão gelados, de modo consequente a vascularização está diminuída. Isto gera princípios de saturação de oxigênio de modo consequente mais baixos e, pode ser que, não condizentes com a existência. 

Se o paciente necessita aferir em casa a sua saturação de oxigênio por meio do oxímetro de vocação, ele precisa se sobreaviso com afastamento do esmalte, entristecer as unhas e preservar as mãos aquecidas.

Veja abaixo os modelos de oxímetro de pulso portátil de dedo:

Crédito das fotos

Foto por Towfiqu barbhuiya em Unsplash